Prepare-se para o É Tudo Verdade

Por guilherme genestreti

A partir do dia 19/4 começa o festival de documentários mais importante do país, o É Tudo Verdade. Neste ano, são 109 os filmes da programação, vindos de 31 países, incluindo 16 títulos em estreia mundial.

Na lista que vem a seguir, confira quais são os sete filmes, todos inéditos, que estão na competição brasileira.

“Caminho de Volta“, de José Joffily e Pedro Rossi. O filme aborda o tema da migração de brasileiros para o exterior, caso de André, que há 20 anos mora em Londres, e de Maria do Socorro, que mora nos EUA. Em comum, o desejo de ambos é voltar a viver no Brasil.

Cena do filme "Caminho de Volta"
Cena do filme “Caminho de Volta”

“Eu Sou Carlos Imperial”, de Renato Terra e Ricardo Calil. Os dois diretores de “Uma Noite em 67” (2010) voltam ao território musical para explorar a vida do produtor Carlos Imperial, figura central na cultura brasileira do século 20 que esteve por trás de Roberto Carlos, Tim Maia e Elis Regina.

Cena do filme "Eu Sou Carlos Imperial"
Cena do filme “Eu Sou Carlos Imperial”

“Filme sobre um Bom Fim”, de Boca Migotto. O documentário gaúcho acompanha a trajetória de um bairro peculiar em Porto Alegre, o Bom Fim, que acolheu imigrantes judeus e depois passou por grandes transformações nos anos 60 e 70.

Cena de "Filme sobre um Bom Fim"
Cena de “Filme sobre um Bom Fim”

“Orestes“, de Rodrigo Siqueira. Híbrido de ficção e documentário, trata das cicatrizes da ditadura militar na sociedade de hoje por meio de uma trama sobre parricídio. O diretor já saiu vencedor no É Tudo Verdade com “Terra Deu, Terra Come” (2009).

Cena do filme "Orestes"
Cena do filme “Orestes”

“A Paixão de JL”, de Carlos Nader. O diretor, vencedor na edição do ano passado, se debruça sobre a vida do artista plástico José Leonilson (1957-1993), que registrou em diários gravados comentários sobre os acontecimentos políticos que presenciou e a descoberta de que estava com Aids.

Cena do filme “A Paixão de JL”

“Sete Visitas”, de Douglas Duarte. Espécie de filme sobre o filme, põe-se a investigar o que há por trás dos documentários calcados em entrevistas. Um dos diretores que falam no filme é Eduardo Coutinho (1933-2014), famoso documentarista entrevistador.

Cena do filme “Sete Visitas”

“Um Filme de Cinema”, de Walter Carvalho. O universo cinematográfico também é o centro de discussão nesse filme, que parte de um cinema em ruínas no interior da Paraíba e conta com depoimentos de cineastas e personalidades como o autor Ariano Suassuna (1927-2014).

Cena de "Um Filme de Cinema"
Cena de “Um Filme de Cinema”